Artistas destacam importância dos povos tradicionais em defesa da Amazônia – Notícias

0
(0)


04/06/2021 – 15:55  

Reprodução TV Câmara

Deputado Airton Faleiro e Alexandre Carlo, vocalista do Natiruts

Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, 5 de junho, a Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados promoveu nesta sexta-feira (4) o evento “Amazônia, resistência pela vida”, com presença de artistas da Região Norte e também de outras regiões, sintonizados com o tema, como Alexandre Carlo, de Brasília, vocalista do grupo Natiruts.

A banda, segundo ele, faz um trabalho de conscientização por meio de suas letras. “Cultura pode ser protesto, pode ser denúncia, mas tem um lado educativo e de formação do caráter de milhares jovens, que a gente trabalha mais fortemente com nossas canções”, disse. Durante o evento, Alexandre Carlo destacou a importância da preservação da Amazônia. “E da preservação da vida e do direito de existir dos povos originários, das comunidades indígenas”, completou.

Na reunião virtual, foi apresentado um vídeo com danças e o canto wapichana kutiana, do grupo de indígenas Parichara Wapichana, na Comunidade Novo Paraíso, em Roraima. Artistas como Fábio Marabaixo e Zé Miguel, ambos do Amapá, apresentaram canções em defesa da Amazônia.

Também foi exibido o clipe “Manifesto Em Favor da Amazônia”, gravado especialmente para a reunião virtual pelo cantor e compositor rondoniense Erivaldo de Melo Trindado, o Bado.

O músico paraense Felipe Cordeiro ressaltou a importância do evento em chamar a atenção para o tema ambiental. “É uma briga muito séria que estamos travando. Nunca foi fácil defender a Amazônia, a Amazônia sempre foi muito negligenciada, invisibilizada, sempre foi uma luta”, afirmou.

O encontro foi pedido pela presidente da Comissão de Cultura, deputada Alice Portugal (PCdoB-BA), com o objetivo de ampliar o olhar sobre as pautas defendidas pelo colegiado.

O deputado Airton Faleiro (PT-PA), que coordenou as apresentações, ressaltou a importância da data para marcar a resistência dos povos tradicionais. “A semana do meio ambiente falou de esperança, falou de um projeto em que a Amazônia cumpra e continue cumprindo sua função global de equilíbrio climático, que se mantenha essa linda relação de interdependência com seus povos, indígenas, quilombolas, extrativistas, agricultores familiares, é para isso que nós estamos realizando essa semana”, declarou.

Também foram apresentados durante o evento um vídeo da acriana Leila Hoffman sobre o Projeto Natureza; um clipe do cantor amazonense Zeca Torres, o Torrinho;  e trechos dos documentários “Mestres Praianos do Carimbó de Maiandeua”, dirigido por Arthur Arias, e “O Reflexo do Lago”, do paraense Fernando Sedtowick.

O projeto Manifestos Culturais é promovido pela Comissão de Cultura da Câmara desde 2013.

Reportagem – Luiz Cláudio Canuto
Edição – Geórgia Moraes



Agência Câmara Notícias

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Estrikinia
Logo
Redefinir Senha