Bons motivos para regularizar seu imóvel

0
(0)



O imóvel irregular é aquele que não tem registro junto ao Registro de
Imóveis (clandestino), ou que não está em nome do seu verdadeiro dono. Aliás,
quem não registra não é dono. É, na verdade, posseiro.

Sem dúvida alguma, o maior problema da irregularidade é o RISCO DE PERDA.
Quem vendeu para você, pode vender para outras pessoas. Quem vendeu para você
pode sofrer constrição por dívidas (penhoras, hipotecas, etc.).

Estima-se que o imóvel irregular perde cerca de 1/3 do valor de mercado,
pois o comprador levará em consideração o risco do negócio e o custo da
regularização. Além disso, a irregularidade pode atrasar a venda, e afunilar
significativamente a quantidade de interessados na compra: primeiro pelo fator
desencorajador, que é o risco do negócio; segundo, porque não será passível de
financiamento.

O imóvel regular possibilita a transferência para herdeiros, seja por ato
entre vivos (doação) ou por herança, já que a irregularidade impedirá o
registro em nome dos herdeiros.

A irregularidade do imóvel também será obstáculo à locação comercial,
pois inviabiliza a obtenção de alvarás de funcionamento.

Por fim, somente o bem regular, devidamente registrado, poderá ser
oferecido em garantia.

Natália Buschieri – Advogada Especialista em Direito
Imobiliário e atuante com Regularização de Imóveis. Contato: natalia_buschieri@hotmail.com.
Instagram: @natalia.buschieri.adv



Jusbrasil

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Estrikinia
Logo
Redefinir Senha